Please reload

Embarques brasileiros de milho e soja extrapolam projeções no ano

01/11/2019

 

As exportações brasileiras de soja e milho do Brasil ficarão acima das expectativas em 2019, disse nesta sexta-feira a Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), após fortes embarques em outubro e perspectivas de boas vendas externas em novembro. De janeiro a outubro, o Brasil embarcou 33,4 milhões de toneladas de milho, segundo dados da Anec, após registrar exportação de 5,3 milhões de toneladas em outubro.

 

Com o volume programado de 3,3 milhões de toneladas para novembro, os embarques do cereal no ano devem superar as 35 milhões de toneladas projetadas. “Vamos rever nossas estimativas”, disse o assistente executivo da Anec, Lucas de Brito, acrescentando que a associação ainda não dispõe de uma nova projeção.

 

No caso da soja, a exportação até outubro já somou 65,5 milhões de toneladas. Com a expectativa de embarcar 4,1 milhões de toneladas em novembro, o volume previsto para o ano também deve ser superado. A Anec não deu mais detalhes sobre os motivos dos embarques acima do esperado.

 

O Brasil é o maior exportador de soja do mundo, e o segundo em milho, cuja safra brasileira foi recorde.

Integrantes do mercado citaram bons volumes de compras do produto do Brasil em outubro, especialmente da China, apesar de o país estar com demanda relativamente menor por conta do impacto da peste suína africana.

Please reload