Please reload

Ministro do Meio Ambiente afirma que problema ambiental não está no campo

29/04/2019

 

 

O Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, participou durante a Agrishow 2019 – 26ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação, de um evento promovido pelo LIDE Ribeirão Preto, com o tema: “Perspectivas do Agronegócio Brasileiro”, na Arena do Conhecimento. O encontro, teve a participação de autoridades, representantes do setor e empresários.

 

Durante o debate, mediado pelo jornalista William Waack, Salles afirmou que a primeira fase da agenda de qualidade ambiental urbana é fazer e deixar claro que o problema do país no aspecto ambiental não está no campo, sim nas cidades.

 

“Nas metrópoles, existem os graves problemas do saneamento e do lixo. A agenda de combate aos resíduos no mar já estava pronta no Brasil antes de ser apresentada no exterior. Precisamos saber se defender, pois somos apenas três por cento da emissão de gases de efeito estufa no mundo. Estados Unidos e China, juntos, são mais de 40%”, afirma.

 

Segundo Salles, a Lei de licenciamento Ambiental está tramitando no Congresso. “Os deputados irão escolher um modelo de licenciamento ambiental que querem para o país. O ministério está cem por cento à disposição dos parlamentares para oferecer as informações que irão reger a norma. Estamos fazendo uma parceria entre legislativo e executivo para tomar a melhor decisão”, comenta.

 

“Temos que defender o Brasil perante a comunidade europeia mostrando tudo de bom que o agronegócio faz, inclusive as práticas de combustíveis limpos do setor sucroenergético. Outro ponto é a discussão do acordo climático. Fazemos um trabalho exemplar e bastante ousado. Cumprindo as metas de forma satisfatória com replantio de floresta, diminuição de gases, entre outras ações”, explica Salles sobre a iniciativas do país.

 

Livro 25 anos de Agrishow

 

Foi lançado nesta última segunda-feira (29), na 26ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação, o livro O Espelho da Inovação Agrícola no Brasil, escrito pelo jornalista Benê Cavechini, que conta a história daquela que se tornou a mais importante exposição de tecnologia voltada para o agronegócio. 

 

A publicação começa com uma apresentação do sistema produtivo agrícola no Brasil e suas máquinas inovadoras, desde o preparo do solo ao transporte para os grandes centros. Em seguida apresenta a ação dos principais atores do crédito financeiro presentes na feira. No terceiro capítulo faz um resumo dos números e fatos atrelados à realização da feira, que completou 25 anos.

 

O livro termina fazendo uma apologia à importância crescente das cooperativas agropecuárias de caráter inédito. A obra é fartamente ilustrada por 150 imagens históricas e atuais e tem como foco a evolução tecnológica das máquinas e equipamentos industriais que são tradicionalmente lançados e expostos a cada edição da feira.

 

Bilíngue, português e inglês, reúne informações fornecidas pelos colaboradores da obra, formando um cenário amplo e contemporâneo do significado da Agrishow para seus expositores.

Please reload

Agroatividade 2016 - Agronegócio Ativo