Buscar
  • REUTERS

EUA aprovam volta de importações de carne bovina in natura da Argentina


A Minerva disse nesta terça-feira que a companhia passa a acessar o mercado norte-americano também por meio de suas operações na Argentina, após o Departamento de Agricultura Norte-Americano (USDA) aprovar a retomada das importações de carne bovina in natura da Argentina.


Em comunicado, a processadora brasileira de carne afirmou que a decisão foi tomada após auditoria pelo Serviço de Inspeção e Segurança Alimentar (FSIS) dos EUA no sistema de inspeção para abate de bovinos da Argentina, o que tornou o país elegível para exportar carne bovina in natura para os EUA.


Na segunda-feira, foi noticiado que a Argentina estava próxima de fechar um acordo com os Estados Unidos sobre comércio de carne bovina in natura entre os dois países pela primeira vez em quase duas décadas, citando a secretária de Comércio Exterior argentina, Marisa Bicher. A Minerva já acessava o mercado norte-americano por meio de operações no Uruguai.


De acordo com a empresa, a Argentina, que já exportava carne bovina cozida e processada para os EUA, tem a sua disposição uma cota de 20 mil toneladas/ano para acessar o mercado norte-americano, isento de tarifas.