• REUTERS

Mesmo com recuo da produção nacional, tendência é de superávit global de açúcar


A consultoria Datagro elevou sua perspectiva de superávit global de açúcar na safra 2018/19, citando o aumento da produção na Ásia, mesmo com o Brasil reduzindo a fabricação do adoçante.


O mundo terá um superávit de 7,56 milhões de toneladas na temporada que começa em 1º de outubro, uma revisão para cima frente os 6,3 milhões estimados anteriormente, disse o presidente da Datagro, Plinio Nastari, a jornalistas durante a Semana do Açúcar, em Nova York.


Esse excedente virá após um superávit de 10,79 milhões de toneladas em 2017/18, levando ao maior superávit combinado de dois anos já registrado, disse Nastari, notando o aumento do fornecimento mesmo quando usinas do centro-sul brasileiro reduzem sua produção de açúcar para produzir mais etanol.