• Cecafé

Brasil deve exportar ao redor dos 35 milhões de sacas de café na nova safra

Exportadores brasileiros de café devem enviar para o exterior ao menos 35 milhões de sacas de 60 kg na safra 2018/19, incluindo café verde, solúvel e torrado e moído, disse o presidente do Cecafé, Nelson Carvalhaes, nesta quarta-feira.


Ele não deu um número comparativo para a safra anterior, mas no ano de 2017 o país exportou 30,9 milhões de sacas de café, segundo o Cecafé. O Brasil deverá produzir uma safra recorde de café em 2018/19, estimada pelo governo em 56,4 milhões de sacas.


Rondônia inicia colheita


Rondônia, segundo maior produtor de café robusta do Brasil, iniciou a colheita da safra 2018/19 da variedade. As atividades estão restritas a áreas onde a maturação dos grãos está mais avançada. Além disso, as recentes chuvas têm limitado a colheita, que deve se intensificar apenas em meados de abril, quando as precipitações devem diminuir. Já no Espírito Santo, as chuvas seguem beneficiando os cafezais. Caso o clima seja mais firme e quente nas próximas semanas, a maturação dos grãos pode ser acelerada e a colheita, iniciada ainda em abril. Para o arábica, a temporada deve ser iniciada em meados de maio em praticamente todas as regiões do Brasil.