• Cepea

Baixa oferta de animais e aumento na procura por carne elevam preços do boi


A menor oferta de animais prontos para o abate e a demanda mais aquecida por carne, cenário típico neste período do ano, têm elevado os preços do boi gordo no mercado interno no correr de dezembro – vale ressaltar que o aquecimento na demanda por carnes também tem resultado em aumentos nas cotações dos cortes acompanhados pelo Cepea. Entre 13 e 20 de dezembro, o Indicador do boi gordo Esalq/BM&FBovespa subiu 2%, indo a R$ 147,35 nessa quarta-feira, 20. No acumulado parcial deste mês (de 30 de novembro a 20 de dezembro), o aumento é de 2,14%.

Suíno Vivo


Já inversamente ao mercado da carne vermelha bovina, os preços do suíno vivo caíram em praticamente todas as regiões acompanhadas pelo Cepea nestes últimos dias. Mesmo com a procura pelo animal intensificada, a oferta ainda elevada segue impedindo o aumento nas cotações. Entre 13 e 20 de dezembro, na região SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba), o suíno se desvalorizou 0,8%, indo a R$ 3,85/kg nessa quarta-feira (20). Em relação aos cortes acompanhados pelo Cepea, a maioria dos produtos registrou quedas nos valores, apesar da demanda ter se aquecido levemente nos últimos dias.